COM FUSO E QUEBRADO

Olá pessoal,

Realmente o mundo é redondo. Meu Deus, como a China é longe:

São Paulo/ Doha (Katar) – 14:00horas

Doha / Hong Kong – 09:00horas

Hong Kong / Macau – 01:30horas de barco

Ninguém merece passar 23 horas dentro de um avião e na classe econômica (dos menos favorecidos), é muito sofrimento, rssss.

O início da viagem se deu com minha chegada ao Aeroporto de Guarulhos por volta de 00:00h (meia noite) e aos poucos os outros da Delegação Brasileira, e em seguida a mídia com muitos repórteres. Conversa daqui, dali, despedidas e sala de embarque.

O voo partiu no horário tendo decolado por volta das 03:00horas da manhã de segunda feira(11/07). O primeiro trecho de São Paulo até Doha foi legal e com um sentimento de muita felicidade.  As 4 primeiras horas foram de bate papo e início da leitura do meu livro – O último Olimpiano de Percy Jackson, que por sinal é muito bom. Depois, dormi e só acordei na chegada em Doha.

Turbantes, roupas diferentes, aeroporto, desembarque, bagagem, check in e novamente estava eu lá a bordo para mais 9 horas de vôo até Hong Kong.

Caramba, este segundo trecho perdi noção do tempo. Primeiro foi o cansaço, depois o sono bateu e não conseguia dormir, e com isso li quase 10 capítulos do livro. No final, o cansaço bateu e parecia que eu estava carregando um piano nas costas e com os olhos cheios de areia, foi horrível mas por um sonho vale a pena.

Cheguei em Hong Kong quebrado (rsss).

Desembarcamos e ainda tinha mais quase duas horas de barco até Macau.

Mas nem tudo foi tão ruim que não pudesse melhorar, pois o barco parecia 1 classe de avião, e até que foi legal (muito confortável).

Aqui o clima da seleção brasileira está muito legal e com o grupo muito motivado. Thiago, Marcelo e Felipe chegaram dos EUA, e todos nos juntamos no espírito de concentração e de seleção.

Em Macau está muito calor, quente pra valer (30 graus em média), e por isso temos que beber muita água.

A comida por aqui até que está boa.

Quanto ao hotel já fiquei em outros bem melhores.

Com relação aos meus treinamentos, eles estão dentro do planejado.

Por fim, é muito importante a adaptação ao fuso horário(que são de 11 horas), pois essa tal de Jet Lag nos deixa completamente sem noção e quebrados nos primeiros dias, motivo da necessidade da chegada com antecedência para esta adaptação.

É isso aí galera. Acompanhem o Blog que irei contando algumas outras histórias.

Na torcida,

Um abraço, Leo de Deus.

About the Author

By leogdeus / Administrator on Jul 15, 2011

Comment (1)

  • Raudete

    Leo, desejo que Deus abençoe vocês nesse momento tão importante da carreira profissional. A natação brasileira deve continuar com o espírito de que todo o esforço vale a pena, pois o esporte de vocês ganha uma grande projeção no cenário nacional e tb estão conquistando o respeito nas competições internacionais. Grande abraço, Raudete Feitosa. Fortaleza-Ce

Leave a Reply